Monthly Archives: abril 2015

You are browsing the site archives by month.

O Som do Vinil / Criaturas da Noite – O Terço

O Terço surgiu em 1968, pioneiros da cena roqueira, com Jorge Amiden, Vinícius Cantuária e Sergio Hinds. Com a saída de Jorge e a entrada de Cezar de Mercês, e, após uma turnê com Marcos Valle, o grupo lançou o segundo disco, O Terço (1972), calcado no rock progressivo, com uma suíte de 6 temas. Já no terceiro disco, Criaturas da Noite, a formação era Sergio Hinds, Sérgio Magrão, Luiz Moreno e um tecladista indicado por Milton Nascimento, Flávio Venturini.

Cézar de Mercês havia se afastado, mas continuava como compositor. O disco misturava o rock “Hey Amigo”, sucesso nos shows da banda, com rock rural (resultado da colaboração com Sá e Guarabyra), principalmente nas faixas “Queimada” e “Jogo das Pedras”. O lado progressivo, ou, antes, a mistura de todas as influências está na suíte que encerra o disco, “1974″. Com capa de Antonio Peticov e arranjo (na faixa título), o disco tornou-se objeto de culto, no Brasil e no exterior.

Módulo 1000 – Não Fale Com Paredes

naofalecomparedesPor Marcelo Spindola Bacha e Rodrigo Araujo (Whiplash.net)

A virada dos anos 60 para os 70 foi marcada por profundas transformações musicais. A consagração do psicodelismo, sedimentando as bases do rock progressivo e do hard rock, a mistura de estilos e influências, a evolução tecnológica associada ao experimentalismo, todos esses fatores vêm sendo sucessivamente relembrados durante as últimas décadas e apontados como os principais responsáveis por um período tido quase que unanimemente como o mais fértil da música pop em todo o mundo: a década de 70. Mas, e no Brasil? Será que tudo aconteceu da mesma forma, e no mesmo ritmo? Como foi a trajetória de uma das bandas de rock progressivo pioneiras no território nacional? Tentamos remontar um pouco dessa história conversando com alguns integrantes do banda.

Continue Reading →

Casa das Máquinas Ao Vivo no Centro Cultural São Paulo (2014)

Casa das Máquinas Ao Vivo

Show completo no Centro Cultural São Paulo – 29/03/2014

SET LIST

1. Essa é a vida – 01:15
2. Londres – 05:11
3. A Natureza – 08:46
4. Dr. Medo – 14:35
5. Lar de Maravilhas – 21:59
6. Astralização – 30:21
7. Vale Verde – 31:50
8. Solo Teclado – 38:41
9. Canto Livre – 42:40
10. Mania de Ser – 44:37
11. Certo Sim, Seu Errado – 52:27
12. Vou Morar No Ar – 58:05
13. Nova Casa – 1:05:47
14. Stress – 1:11:58
15. Casa de Rock – 1:16:12
16. Jogue Tudo Pra Cabeça – 1:20:35
17. Epidemia de Rock – 1:27:07

Banda Casa das Máquinas
Vocal: João Luiz
Guitarra: Marcello Schevano
Contrabaixo: Fábio César
Teclado: Mario Testoni
Bateria: Marinho

Filmagem:
Michel Camporeze Téer
Fausto Oliveira
Nazir Corrêa
Vera Mendes
Alessandra Oliveira

Edição de video e animação gráfica:
Fausto Oliveira

14 BIS ao vivo em estúdio “As Quatro Estações de Vegas”

A banda 14 BIS toca ao vivo em estúdio “As Quatro Estações de Vegas”.

Vídeo amador capturado por Ivan Grossi Arnaut.

EP “Dois Pesos, Uma Medida” João Leopoldo e Hugo Rafael

10985321_1043954405634039_314529644361547804_nSaindo do forno agora mesmo, eis que surge o EP “Dois pesos & Uma medida”, dos músicos João Leopoldo e Hugo Rafael. O EP possui sete faixas, que foram disponibilizadas pelos próprios músicos gratuitamente na Internet.

O que encontramos aqui é uma música de alto padrão, que apresenta uma miscelânea sonora muito palatável e bem feita, onde todas as músicas apresentam altas doses de rock progressivo, que passeia ao lado de outras influências, como o Rock and Roll e a MPB.

A parte progressiva se apresenta pela complexidade das músicas, execuções muito técnicas (onde os dois músicos alternam tocando TODOS os instrumentos) e os timbres dos instrumentos, particularmente os sintetizadores/teclados, guitarras e vozes.

Continue Reading →

“Por que ouvir o Rock Progressivo Brasileiro?” – Parte 1

Por Tarcisio Lucas (tarcisiolucashp@hotmail.com)

“Por que ouvir rock progressivo brasileiro?” – me perguntou um amigo certa vez, quando comprei e lhe apresentei o vinil original do disco “A Casa Encantada”, da (maravilhosa) banda O Terço. Esse episódio passou-se anos atrás, e desde então essa pergunta ficou martelando dentro de meus pensamentos, não pela falta de uma resposta adequada, de forma alguma, mas justamente pelo contrário; dentre tantos argumentos que eu poderia utilizar, quais seriam os mais indicados para alguém que ainda não está familiarizado com o tema?

Pois bem, segue aqui uma série de textos cujo intuito é justamente pensarmos essa questão, sendo esse apenas o primeiro e introdutório.

Continue Reading →

O Som do Vinil / Criaturas da Noite – O Terço (Parte 2/2)

Parte final do programa O Som do Vinil sobre o álbum Criaturas da Noite  da banda O Terço.

O Som do Vinil / Criaturas da Noite – O Terço (Parte 1/2)

Exibido no Canal Brasil sobre um dos discos mais singulares da música brasileira, o álbum “CRIATURAS DA NOITE” de 1975 da banda O TERÇO. Disco que fez a fusão perfeita do Rock Progressivo com a MPB. Você sabia que o disco foi todo produzido de modo independente e só depois vendido para a Gravadora Copacabana? Descubra mais curiosidades nesse programa.